Projeto social no Ceasa prepara alunos para mercado de trabalho


Últimos Vídeos

18/12/2018
PREGÃO PRESENCIAL Nº 014/2018

13/12/2018
PROCEDIMENTO LICITATÓRIO N.º 007/2018

14/11/2018
PREGÃO PRESENCIAL N.º 012/2018

ver todas as licitações em andamento.
 
          Notícias

Ceasa Campinas faz 43 anos e anuncia construção de nova plataforma logística

O prefeito Jonas Donizette e o diretor-presidente da Ceasa Campinas, Wander Villalba, vão anunciar a abertura do processo de licitação para a construção da nova plataforma logística (PL1) do Mercado de Hortifrútis da central de abastecimento, que irá agilizar ainda mais as operações de carga e descarga de produtos. A cerimônia será realizada durante as comemorações dos 43 anos de fundação da Ceasa, nesta terça-feira (13/03), às 9h, no prédio da Administração da empresa.

A diretoria da Ceasa também irá divulgar o cronograma de eventos e ações para o ano e um balanço do desempenho dos programas sociais sediados pelo entreposto. Além do lançamento do novo píer, a cerimônia em comemoração aos 43 anos da Ceasa também vai contar com a entrega da reforma da recepção do prédio da Administração e o anúncio do novo paisagismo dos jardins de inverno da sede.

 

Plataforma, água de reuso e sanitários

A nova plataforma visa a melhoria da logística das operações de mercado e será construída numa área de 1.257 metros quadrados, no lado norte ou ímpar do entreposto, próximo ao Galpão Permanente 1 (GP1) e Mercado Livre Central (MLC).

A construção terá infraestrutura moderna semelhante à da Plataforma Logística 2 (PL2) – localizada no lado par ou sul -, inaugurada em junho de 2016, mas com uma novidade: a instalação de um reservatório de água de reuso, para reaproveitamento da água das chuvas coletada no telhado da plataforma. O reservatório terá capacidade para armazenar até 2.350 metros cúbicos de água.

A nova estrutura também vai contar com quatro rampas de acesso para carrinhos e pedestres e mais quatro escadas, além de câmeras integradas à central de monitoramento da Ceasa, para maior segurança dos usuários, e iluminação com lâmpadas de LED, mais eficientes e econômicas.

Além da nova plataforma logística, também serão construídos sanitários centrais, com implantação entre as duas plataformas (PL1 e PL2), e área total coberta de 118 metros quadrados. A edificação contará com banheiros masculino e feminino (com sanitários, lavatórios e chuveiros) e instalações para pessoas com necessidades especiais.  

A estimativa para conclusão das obras (PL e banheiros) é de seis meses, a partir da contratação dos serviços. O valor total estimado é de R$ 2,5 milhões, com recursos da Ceasa.

 

 

 

Música e quitutes

O evento em comemoração aos 43 anos da Ceasa vai contar ainda com a apresentação do coral de crianças do Grupo Primavera, entidade de Campinas que é atendida pelo Banco Municipal de Alimentos, e um delicioso café da manhã com quitutes com uso integral dos alimentos, preparados por Matusalém Paracelso, cozinheiro da Secretaria Municipal de Assistência Social e Segurança Alimentar, que também atua no Banco de Alimentos - como risoles de casca de banana, coxinha de carne de jaca, torta de banana e sorvete de mandioca.

 

História

As Ceasas foram criadas na década de 70 pela necessidade de organização e aperfeiçoamento na distribuição de produtos hortifrutigranjeiros. Isso aconteceu porque a população nas cidades cresceu muito após a forte industrialização do país a partir dos anos 50.

Em 1972 o decreto nº 70.502 fundou a Ceasa Campinas e a empresa começou a operar em 1975. Em 1989 a Ceasa Campinas foi municipalizada - a Prefeitura passou a ter o controle acionário da empresa.

A Ceasa Campinas ampliou sua comercialização em 1993, com uma feira de flores e, em 1995, inaugurou o Mercado de Flores, o maior mercado permanente de flores e plantas ornamentais da América Latina.

Hoje a central de abastecimento campineira é referência nacional e é a quarta maior do País, numa área de 500 mil metros quadrados. O entreposto movimenta cerca de 700 mil toneladas/ano em produtos (hortifrutigranjeiros, flores e acessórios).

A central também abriga e ajuda a financiar importantes e premiados programas sociais, como o Banco Municipal de Alimentos, a Alimentação Escolar (merenda) e o Instituto de Solidariedade para Programas de Alimentação (ISA).



Imprimir esta notícia
+ Notícias

Topo

Desenvolvido por: CiaPixel Agência Digital